Planos para o futuro pós pandemia

Dizer que o mundo de 2019 não tem nada a ver com o mundo de 2020 está mais do que na cara. Agora, o que não está na cara é como será o mundo depois que esse novo vírus sumir do mapa. E ai a gente fica meio zonzo, sem saber o que fazer da vida? E não há coisa pior do que viver assim, no ritmo do “deixa a vida me levar, vida leva eu”.

Uma coisa é viver por algum tempo sem plano. Outra, é viver para sempre sem plano. Mais cedo ou mais tarde, quer queira, quer não, você terá que bolar um plano para a sua vida, ainda que de inicio seja bem simples. E aí, se você topar, quero deixar aqui algumas dicas simples de como fazer isso. Pode ser? Então, beleza. Vamos, lá!

Dica 01: Não deixe de trocar uma ideia. Trocar uma ideia sobre o que pensa em fazer pode livrar você de entrar numa fria. Tem muita gente boa por aí que pode não apenas ouvir a sua ideia, mas também clareá-la melhor (Pv 15:22). Mas se lembra de trocar uma ideia com Deus, através da oração. Deus tem altas ideias, pelo fato dele saber tudo sobre tudo.

Dica 02: Não fique de pernas para o ar. Depois de trocar ideia com quem tem que trocar, parta para a ação. Nada de ficar de pernas para o ar. A sua ideia não tem pernas próprias. Se você não lhe oferecer as suas pernas, a ideia por melhor que seja, não sairá do lugar. Existe um monte de gente que é cheia das ideais, mas não move um dedo sequer para colocá-las em prática (Pv 13:4).

Dica 03: Não force a porta para entrar. Na hora de tirar a sua ideia do mundo das ideias para o mundo da vida real, jamais force a porta. Não vale a pena perder tempo e energia com portas que não se abrem, ainda mais quando não se abrem por causa de Deus. Deu com a porta na cara? Peça para Deus apontar outra porta para você (At 16:9). Mas tire o olho da porta que não se abriu. Tem gente que ficar na maior “neura” com portas que não se abrem. Que esse não seja o seu caso.

Dica 04: Não abra mão do que é certo. Caso você tenha que abrir mão do que acredita pra fazer a sua ideia sair do papel, caia fora na mesma hora. O diabo é bom nisso, sabia? Ele chega como quem não quer nada e propõe que se você ficar de quatro diante dele, a sua ideia vai ganhar o mundo (Mt 4:9). Muita gente já caiu na dele e se perdeu na vida. Não vale a pena perder a alma, ainda mais para o diabo, para ganhar o mundo. Depois vem a conta para você pagar com a própria vida.

Dica 05: Não entre em todas as portas. Uma porta se abriu para a suas ideias. Você entra e assim que suas ideias estão tomando corpo, outra porta se abre para você ao lado. E aí você fica sem saber se entra ou não. Olha só, se você ficar de porta em porta, nunca vai produzir nada. Tem um monte de gente que é assim, vive não maior agonia. Não sabe dar tempo ao tempo. Um ideia não pega de hora para outra. Você tem que aprender a ter paciência (Tg 5:7b).

Dica 06: Não ignore o mal estar na sua alma. Sabe do que se trata esse mal estar? Da falta de paz. Se a sua alma não está em paz com o que vai fazer, é sério, não faça. Tenho dito na igreja onde sou pastor que vida boa é vida de paz. De que adianta, você ganhar mundos e fundos com a suas ideias e não ter paz na alma, um dia sequer. Às vezes, a falta de paz na alma da gente, pode ser um sinal sutil de que Deus não quer o que a gente tanto quer (Cl 3:15)!

É isso aí. Que mandar bem no seu plano? Ficam as dicas.

Primeira: Não deixe de trocar uma ideia com Deus e com quem quer o seu bem sobre o que pensa em fazer. Segunda: Não pense que a ideia por si só vai fazer a sua vida mudar, porque não vai, viu? Uma boa ideia sem ação é apenas uma boa ideia. Não muda a vida de ninguém. Terceira: Não insista muito com portas que não se abrem. Vai atrasar a sua vida. Quarta: Não tope tudo para ganhar a vida com sua ideia. Não abra mão da sua fé para se dar bem no quer que seja. Não vale a pena nunca. Quinta: Saiba o que quer e onde quer chegar com suas ideias, senão não vai resistir a tentação das portas que se abrem para você de hora em hora. Sexta: Não pense que a falta de paz na sua alma é bobagem. Pense nisso antes de dar o próximo passo.

, , ,
Post anterior
Os muros invisíveis
Próximo post
Virgindade – jovens que escolhem esperar pelo casamento

Posts Relacionados

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.
Menu
X