E QUANDO MORRE A ESPERANÇA?

“A esperança é a ultima que morre”. Essa é uma expressão que ouvimos desde criança, ela faz parte da nossa cultura, e acreditamos nela. O problema é quando a esperança acaba morrendo.

A esperança pode morrer de diversas maneiras. O descobrimento de uma doença terminal que não possui uma cura conhecida, como um câncer, por exemplo. A reprovação em um exame vestibular, após ter feito o mesmo, muitas e muitas vezes. O recebimento de um comunicado da demissão do emprego após ter iniciado um financiamento de um bem (como uma casa ou um carro), ou estando às vésperas do casamento, ou com o nascimento de um filho dentro de poucos meses.

É comum ver as pessoas se desesperarem, nesse tipo de situação. Começam a se comportar como nunca se comportaram antes. Normalmente ficam nervosas e descontroladas. As pessoas que estão doentes jogam tudo para o ar (família, saúde, religião e até mesmo o respeito próprio) para tentarem viver com “qualidade” o tempo que lhes restam. Os que não passaram no vestibular desistem do sonho e vão atrás de “qualquer coisa” para continuarem a vida. O desempregado está disposto a pegar a primeira oportunidade que lhe aparecer, mesmo que isso confronte os seus ideais morais e religiosos.

Será que, como cidadãos do Reino, estamos livres disto? Infelizmente não. Cristo nos fala em João 16:33 o seguinte: “no mundo tereis aflições”. Essa afirmação não nos deixa dúvidas: passaremos por problemas. O fato é que, enquanto Cristo não volta, não estamos isentos de decepções, de doenças e de injustiças.

Entretanto, a diferença está na maneira de como lidamos com isso. Cristo termina a frase de João 16:33 da seguinte maneira: “mas tende bom ânimo, eu venci o mundo”. Cristo nos mostra que há uma solução. E esta solução é Ele mesmo. Em Cristo, teremos a solução e o conforto para os nossos problemas. Isto não significa que iremos nos tornar milionários do dia pra noite, ou que irá aparecer uma vaga de última hora na universidade ou que obteremos uma saúde de super-heróis.

A vitória de Cristo significa que seremos cuidados por Ele, que através do seu amor seremos abraçados e acalentados pelo Pai, não permitindo que o problema não nos “engula” e nos afunde. A vitória de Cristo significa que teremos uma solução, mas será aquela que o Senhor preparou para nós. O Cidadão do Reino passa por dificuldades, sofre e se entristece, mas também é consciente a esperança em Cristo nunca irá morrer.

Post anterior
A MORTE MORA AO LADO
Próximo post
DESCULPE! FOI SEM QUERER!

Posts Relacionados

No results found

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.
Menu
X